Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog Nerd

Mais do que Cinema | Pessoal, Livros, Filmes, Netflix, Música

06.01.19

Crítica de Engenhos Mortíferos


O Alfazema

Não é normal eu trazer críticas de filmes maus, isto porque nem sequer os vou ver ao cinema. Mas este fui. Fui sair numa noite e, depois do jantar, lá decidimos ir ao cinema. O filme Mortal Engines, ou Engenhos Mortíferos, estreava naquele mesmo dia, por isso, acabou por ser a nossa escolha. Que arrependimento!

 

Mortal Engines Review

 

Informações, Sinopse e Trailer

 

Como o filme estreou primeiro em Portugal do que em muitos outros lugares, ainda não havia uma classificação no Rotten Tomatoes (que é onde normalmente vou para decidir se vale a pena ir ver ao cinema ou não — salvo exceções, como o caso do Venom).

 

O filme em si já é baseado num conceito muito estranho para ser representado num formato live-action, não fosse o filme baseado num livro. Neste futuro distópico, as grandes cidades são sobre rodas e vivem a "comer" outras cidades mais pequenas. Se este conceito não for suficiente para vos deixar de pé atrás, esperem mais um pouco.

 

O argumento é fraco, os desempenhos deixam a desejar e o diálogo chega mesmo a ser desconfortável. Tudo isto aliado a um filme bastante longo faz com que a experiência seja negativa. Os efeitos especiais podem ser considerados como medíocres, mas não são dos piores de sempre. O pior deste filme é mesmo os personagens, com quem nunca nos conectamos, e com uma personagem principal em quem não nos identificamos e, por isso, não a conseguimos compreender.

 

Como já devem de ter percebido eu não recomendo este filme. Apesar de ter alguns bons momentos, eles não são suficientes para vos afastar o sono. Sim, já vi filmes piores. Mas hoje em dia há muitos outros bons conteúdos onde podem ir "gastar" o vosso tempo do que com este filme.

 

Classificação

Blog Nerd: 4/10

Rotten Tomatoes: 27%

 

Mais sobre mim

foto do autor

Segue-me

Comentários recentes

Posts mais comentados

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Blogs Portugal